Ukor

| [email protected]

Nosso Blog

Ansiedade noturna: guia completo

ansiedade noturna: transtornos do sono e mentais andam de mãos dadas

A ansiedade noturna é um sentimento de medo ou estresse sobre adormecer ou permanecer dormindo. Problemas de sono e distúrbios de saúde mental, como ansiedade, estão intimamente ligados. Muitas vezes, um pode piorar o outro, então pode parecer um ciclo sem fim. Mas ansiedade e problemas de sono são tratáveis como veremos neste artigo.

Esse guia completo vai te proporcionar um bom direcionamento para melhores noites de sono. Boa leitura!

 

  • Visão geral sobre a ansiedade noturna
    • O que é ansiedade noturna?
    • Quem sofre de ansiedade durante o sono?
    • Quão comum é a ansiedade noturna?
  • Sintomas e Causas
    • O que causa a ansiedade noturna?
    • Quais são os sintomas da ansiedade durante o sono?
  • Diagnóstico
    • Como a ansiedade noturna é diagnosticada?
    • Quais testes ajudam a confirmar um diagnóstico de ansiedade noturna?
  • Gestão e Tratamento
    • Como é tratada a ansiedade noturna?
    • Como a terapia cognitivo-comportamental trata a ansiedade noturna?
    • Como os hábitos de sono mais saudáveis ​​podem tratar a ansiedade noturna?
    • Como a Ukor contribui para a melhoria do sono?
    • Como a medicação pode tratar a ansiedade noturna?
  • Prevenção
    • Como posso prevenir a ansiedade noturna?
  • Prognóstico
    • Qual é o prognóstico para pessoas com ansiedade noturna?
    • Existem complicações a longo prazo da ansiedade noturna?
  • Vivendo com ansiedade noturna

 

 

Visão geral sobre a ansiedade noturna

O que é ansiedade noturna?

A ansiedade noturna é o medo ou preocupações que surgem ao ir dormir. Você pode estar apreensivo por não adormecer ou por não conseguir permanecer dormindo. Algumas pessoas também têm uma fobia distinta, ou medo, sobre o sono chamada somnifobia. Eles podem pensar que algo ruim vai acontecer com eles enquanto dormem, ou que não deveriam dormir porque precisam ficar alertas e vigilantes.

 

Sono e transtornos mentais, como ansiedade, muitas vezes andam de mãos dadas. Se você sofre com ansiedade, pode achar difícil adormecer ou permanecer dormindo. Da mesma forma, se você tem um distúrbio do sono, pode se sentir ansioso ou com medo antes de dormir por não conseguir o descanso de que precisa e uma condição geralmente piora a outra, então pode parecer um ciclo sem fim.

 

Quem sofre de ansiedade durante o sono?

A ansiedade noturna pode afetar adultos, adolescentes e crianças. Você pode ter maior probabilidade de desenvolver ansiedade à noite se tiver um distúrbio do sono, como:

 

Pessoas com os seguintes transtornos mentais também podem desenvolver ansiedade noturna:

  • Transtornos de ansiedade
  • Transtorno bipolar
  • Depressão
  • Dependência de drogas ou alcoolismo
  • Transtorno do pânico
  • Transtorno de estresse pós-traumático (TEPT)
  • Esquizofrenia

 

Quão comum é a ansiedade noturna?

A ansiedade é o distúrbio de saúde mental mais comum nos Estados Unidos, afetando cerca de 40 milhões de pessoas. Pesquisas sugerem que a maioria das pessoas com distúrbios de saúde mental, como ansiedade, também apresenta alguma forma de interrupção do sono.

 

Sintomas e causas

O que causa a ansiedade noturna?

A ansiedade é uma parte natural do ser humano. Devemos sentir medo ou preocupação em situações perigosas. O estresse e a ansiedade fazem com que nossos corpos liberem hormônios que nos ajudam a reagir rapidamente para evitar danos. Mas se você tem ansiedade crônica, pode sentir estresse ou preocupação o tempo todo. Você pode sentir medo de situações cotidianas, como dirigir para o trabalho ou até mesmo adormecer.

Níveis cronicamente altos desses hormônios, especialmente antes de dormir, podem dificultar o relaxamento do corpo. Você pode ter dificuldade em adormecer e ao adormecer, poderá acordar durante a noite com pensamentos estressantes ou preocupantes e não conseguir adormecer novamente.

A combinação de ansiedade e insônia também pode ser causada por uma condição em que não há hormônio tireoidiano suficiente na corrente sanguínea e seu metabolismo fica mais lento (hipotireoidismo).

Pesquisas sugerem que a ansiedade pode afetar o sono do movimento rápido dos olhos (REM). Esta é a fase do sono em que você tende a ter sonhos vívidos. Se você tem ansiedade, os sonhos podem ser perturbadores ou se transformar em pesadelos que o acordam.

Assim como a ansiedade pode afetar o sono, o sono pode afetar a ansiedade. A ansiedade noturna é uma característica comum da insônia, em que o indivíduo começa a sentir ansiedade durante o dia e a noite sobre o sono ruim, o que acaba causando outra noite de sono ruim.

 

Quais são os sintomas da ansiedade durante o sono?

Quando você não consegue dormir devido à ansiedade, pode sofrer alterações comportamentais, incluindo:

  • Sentimentos de estar sobrecarregado
  • Incapacidade de concentração
  • Irritabilidade
  • Nervosismo
  • Inquietação
  • Sensação de perigo iminente ou destruição

Os efeitos físicos da ansiedade antes de dormir podem incluir:

  • Problemas digestivos
  • Frequência cardíaca rápida
  • Respiração rápida
  • Suando
  • Músculos tensos
  • Tremendo

Algumas pessoas também têm ataques de pânico noturnos, que é uma explosão repentina e intensa de medo extremo. Os ataques de pânico noturnos acontecem apenas à noite e geralmente despertam você do sono.

 

Diagnóstico

Como a ansiedade noturna é diagnosticada?

Seu médico realiza um exame físico, analisa seu histórico e avalia seus sintomas, podendo fazer perguntas como:

  • Você come ou bebe alguma coisa antes de dormir?
  • Sua ansiedade sempre ocorre antes de dormir?
  • Quanto tempo você leva para pegar no sono?
  • Com que frequência você acorda durante a noite?
  • Quais atividades você faz antes de dormir?

 

Quais testes ajudam a confirmar um diagnóstico de ansiedade noturna?

Em alguns casos, seu médico pode fazer um estudo do sono para descobrir se você tem um distúrbio do sono. Também chamado de polissonografia, um estudo do sono é um teste em que você passa a noite em um laboratório do sono que avalia como seu corpo funciona durante o sono, verificando:

  • Níveis de oxigênio no sangue
  • Posicionamento corporal
  • Respirando
  • Atividade elétrica em seu cérebro
  • Movimentos oculares
  • Frequências e ritmos cardíacos
  • Movimentos das pernas
  • Fases do sono
  • Ronco ou outros ruídos que você faz durante o sono

 

Gestão e tratamento

Como é tratada a ansiedade noturna?

Existem várias maneiras de controlar a ansiedade noturna, incluindo:

 

Como a terapia cognitivo-comportamental trata a ansiedade noturna?

TCC é uma forma de psicoterapia ou terapia de conversa que ensina como mudar seu comportamento, mudando a maneira como você pensa, sendo um tratamento comum para pessoas com ansiedade. Uma forma especial de TCC chamada terapia cognitivo-comportamental para insônia (CBTI) se concentra em ajudar as pessoas que têm insônia e pode levar de 6 a 12 semanas para produzir resultados.

Durante a CBT ou CBTI, você pode aprender a:

  • Evite comportamentos ou fatores ambientais que desencadeiem sua ansiedade ou dificultem o sono.
  • Entenda melhor como o sono e a ansiedade afetam seu cérebro e o resto do corpo.
  • Mude o pensamento negativo ou impreciso sobre a hora de dormir ou dormir.

Seu terapeuta pode ensiná-lo a dormir com ansiedade usando o biofeedback. O biofeedback treina você para gerenciar as funções do seu corpo. Você aprende a relaxar os músculos, regular a respiração, diminuir a frequência cardíaca e focar a atenção. Seu terapeuta pode usar sensores especiais para medir essas funções corporais ou pode lhe dar exercícios, como respiração profunda e meditação, para fazer em casa.

 

Como os hábitos de sono mais saudáveis ​​podem tratar a ansiedade noturna?

Hábitos de sono, ou higiene do sono, são suas rotinas na hora de dormir que podem afetar seu sono. Seu médico pode pedir que você mantenha um diário de sono por várias semanas, que será um registro diário de seus hábitos de sono para te ajudar a identificar coisas que podem tornar mais difícil para você adormecer ou permanecer dormindo.

Algumas maneiras comuns de melhorar a higiene do sono incluem:

  • Evite beber muitos líquidos antes de dormir, especialmente álcool.
  • Faça atividades relaxantes antes de dormir, como meditação ou ouvir música suave e tranquila.
  • Não consuma cafeína no final da tarde ou à noite.
  • Não vá para a cama a menos que sinta sono.
  • Vá para a cama e acorde na mesma hora todos os dias.
  • Se você não adormecer em 20 minutos, saia da cama.
  • Certifique-se de que seu quarto seja confortável, silencioso e com iluminação suave.
  • Use sua cama apenas para dormir e fazer sexo. Por exemplo, evite assistir televisão ou trabalhar na cama.
  • Defina uma meta de dormir pelo menos sete horas todas as noites.
  • Pare de usar dispositivos eletrônicos pelo menos 30 minutos antes de dormir.
  • Tente não comer antes de dormir. Se estiver com fome, faça um lanche leve e não uma grande refeição.

 

Como Ukor contribui para a melhoria do sono?

O principal meio para melhorar a qualidade do seu sono, como você pode ver até agora, é a mudança de hábitos e este é o foco da Ukor.

Com certeza você já aprendeu muito com este blog post. Temos muito mais a oferecer em um treinamento que chamamos de “O Poder do Sono”. Neste treinamento, você aprenderá como dormir melhor através de práticas e métodos comprovados cientificamente, com aulas como:

✔ Quanto tempo preciso pra dormir

✔ O que eu posso fazer para melhorar meu sono

✔ O papel do sono no corpo

✔ Distúrbios do sono

✔ Higiene do Sono e mais

É uma oportunidade de aprofundar o conhecimento sobre a importância do sono e como ele pode impactar positivamente a sua saúde e produtividade.

Saiba mais e assista a Aula 2 de O Poder do Sono clicando aqui

 

Como a medicação pode tratar a ansiedade noturna?

Seu médico pode recomendar medicamentos para tratar ansiedade ou outros distúrbios de saúde mental. A medicação também pode ajudar a melhorar os sintomas de distúrbios relacionados ao sono, como síndrome das pernas inquietas ou insônia.

Mas alguns medicamentos podem realmente aumentar sua ansiedade ou dificultar o sono quando você começa a tomá-los. Se você tiver esses efeitos colaterais, converse com seu médico. Muitos soníferos vendidos sem receita também podem criar vícios e dependências. Não inicie nenhum medicamento para ansiedade ou sono sem a supervisão do seu médico.

 

Prevenção

Como posso prevenir a ansiedade noturna?

Você pode reduzir o risco de ansiedade durante o sono:

  • Optar por uma dieta saudável
  • Praticar exercícios regularmente
  • Praticar uma boa higiene do sono

 

Prognóstico

Qual é o prognóstico para pessoas com ansiedade noturna?

A maioria das pessoas podem controlar com sucesso a ansiedade noturna com os tratamentos certos, mas lembre-se de que alguns tratamentos podem levar algum tempo para serem eficazes. Não interrompa o tratamento prematuramente se achar que não está funcionando.

Esse é o maior benefício dos programas e treinamentos oferecidos pela Ukor. A saúde preventiva começa pela mudança de hábitos e é este o nosso foco. Aqui você conhece nossos produtos e serviços.

 

Existem complicações a longo prazo da ansiedade noturna?

Ansiedade prolongada ou falta de sono podem afetar seu corpo de várias maneiras. A ansiedade noturna coloca você em maior risco para as seguintes complicações a longo prazo:

  • Diabetes
  • Ataque cardíaco
  • Doença cardíaca
  • Insuficiência cardíaca
  • Pressão alta
  • Arritmia (batimentos cardíacos irregulares)
  • Obesidade
  • AVC

 

Vivendo com ansiedade noturna

Como posso facilitar a vida com a ansiedade noturna?

Ansiedade ou problemas de sono podem afetar todos os aspectos de sua vida, desde seu desempenho no trabalho até suas interações com outras pessoas. Pode ajudar falar sobre sua ansiedade noturna com um terapeuta, colegas de trabalho, amigos ou entes queridos. Os grupos de apoio também podem conectá-lo a uma comunidade de pessoas que lidam com experiências semelhantes.

 

💤 Incorpore a Higiene do Sono na sua rotina com mais facilidade, participe do treinamento semanal da Ukor: ⁠⁠https://ig.me/j/AbYTw2YKE9oH3D-4/⁠

Últimas do blog

Reinventando carreiras e culturas

Reinventando carreiras e culturas

A flexibilidade e a autonomia podem ter um impacto significativo na nossa relação com o trabalho. O trabalho remoto, por exemplo, tem sido cada vez

plugins premium WordPress